Bolsonaro recebe alta e volta a Brasília

Após 18 dias internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, o presidente Jair Bolsonaro recebeu alta nesta quarta-feira. Ele deixou o local de carro, sob forte esquema de segurança em direção ao aeroporto de Congonhas, onde embarcou para Brasília. Nos próximos dias, o presidente irá despachar do Palácio da Alvorada, residência oficial.

Bolsonaro foi internado no dia 27 de janeiro, para uma terceira cirurgia, após ter sido esfaqueado em setembro passado em Juiz de Fora, durante a campanha eleitoral. Ele foi submetido a uma cirurgia para retirada da bolsa de colostomia e reconstrução do trânsito intestinal.

O presidente passou mais tempo no hospital do que as previsões iniciais. Isso porque após a cirurgia, Bolsonaro teve pneumonia e precisou ser submetido a um tratamento com antibióticos. De acordo com o último boletim médico, possivelmente decorreu de microaspiração de conteúdo gástrico.

Ele recebeu alta já com o quadro pulmonar normalizado, sem dor, sem febre, com função intestinal restabelecida e dieta leve por via oral. Bolsonaro deverá retornar com moderação ao trabalho na Presidência da República e terá que evitar viagens longas e manter uma dieta controlada pelos próximos dias.

Mas de acordo com o porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, ele deve começar a trabalhar no projeto da reforma da Previdência, que deve ser enviado ao Congresso, nos próximos dias.